Merkel faz chorar jovem palestiniana: “Alguns têm de se ir embora” (vídeo)

(DR)
(DR)
(DR)

A história está a tornar-se viral e tem duas protagonistas: Uma é a chanceler alemã Angela Merkel e outra é uma adolescente de origem palestiniana, a viver e a estudar na Alemanha, depois de ter vivido num campo de refugiados do Líbano.

O cenário é um programa de televisão, chamado (talvez com alguma ironia) “Viver bem na Alemanha”. A jovem tomou a palavra para contar o medo de ser expulsa: “Há pouco tempo, passámos por tempos difíceis, porque estávamos prestes a ser expulsos. Sentia-me muito mal na escola. Os professores e colegas perceberam”, disse a jovem.

Merkel reagiu e a resposta que deu correu mundo: “Nos campos de refugiados palestinianos no Líbano há milhares e milhares de pessoas. Imaginem que vêm todos, mais aqueles que vêm de África. É algo que não vamos poder gerir. A única coisa que podemos tentar fazer é tomar uma decisão o mais depressa possível. Mas há pessoas que têm mesmo de se ir embora”.

Assim que a chanceler acabou de falar, a rapariga desfez-se em lágrimas.

Merkel ainda a tentou consolar e felicitou-a pela coragem, mas o caso não tardaria a causar um misto de desconforto e humor entre os internautas, não tanto pelas palavras em si, mas pelo contexto e aparente falta de sensibilidade da chefe do governo. No Twitter, o caso foi motivo de inúmeras piadas, com o “hashtag” #merkelstreichelt.

“Queremos mandar-vos embora, mas primeiro quero afagar-te a cabeça”. (euronews.com)

por Ricardo Figueira

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA