Maternidades de Luanda passam a disponibilizar vacina contra Hepatite B

(Foto: D.R.)
(Foto: D.R.)
(Foto: D.R.)

A vacina contra a Hepatite B vai ser disponibilizada em todas as maternidades de Luanda a partir da próxima terça-feira, prevendo-se vacinar até ao fim deste ano cerca de 106 mil recém-nascidos, anunciaram as autoridades sanitárias angolanas.

Em 2014, segundo dados do Ministério da Saúde de Angola, a Hepatite B foi a décima causa de mortes.

Segundo a directora provincial de Saúde de Luanda, Rosa Bessa, a vacina deverá estar disponível em todas as unidades sanitárias da capital angolana, onde existam salas de parto.

A medida vem completar os passos sequentes depois do nascimento na sala de parto, nomeadamente o aleitamento materno na primeira hora, a vacina contra a pólio, BCG e a administração de vitamina A às puérperas.

Rosa Bessa sublinhou que o objectivo é aumentar até pelo menos 20 por cento, o número de crianças vacinadas com BCG e pólio em relação ao primeiro semestre deste ano, bem como a mesma percentagem de mulheres administradas com vitamina A, e promover o aleitamento materno.

A Hepatite B é uma doença infecciosa inflamatória do fígado, causada pelo vírus da hepatite B – VHB, causando o cancro ou a cirrose em pelo menos um em cada quatro adultos infectados durante a infância. (Lusa)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA