Justiça francesa pede o arquivamento de caso sobre a morte de Arafat

(Foto de AFP)
(Foto de AFP)
(Foto de AFP)

A justiça francesa requisitou nesta terça-feira o arquivamento da investigação sobre a morte do líder palestino Yasser Arafat, aberta em 2012 por “assassinato”, anunciou à AFP a promotoria de Nanterre (região parisiense), que é responsável pela investigação.

A promotoria “apresentou uma requisição de arquivamento definitivo” neste caso, onde nenhuma acusação foi emitida.

O presidente da Autoridade Palestina faleceu em 11 de Novembro de 2004, aos 75 anos, em um hospital militar francês.

Sua viúva, cuja denúncia contra X deu origem a esta investigação, suspeita que Arafat foi envenenado. (afp.com)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA