Jovens devem continuar a investir na formação profissional

INTERIOR DA UNIDADE TÉCNICA DE HOTELARIA (

Os jovens angolanos devem continuar a investir na formação profissional com vista a ter maior facilidade para conseguirem o seu primeiro emprego e contribuírem para o desenvolvimento do país, considerou esta segunda-feira, em Luanda, o director pedagógico do Centro Polivalente de Formação Profissional, António Inácio.

INTERIOR DA UNIDADE TÉCNICA DE HOTELARIA (Foto: Lucas Neto)
INTERIOR DA UNIDADE TÉCNICA DE HOTELARIA (Foto: Lucas Neto)

O responsável fez tais considerações durante a cerimónia de abertura da segunda fase do projecto de formação profissional em hotelaria e turismo organizado pelo Ministério da Administração Pública Trabalho e Segurança Social, através do Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP), em parceria com a empresa angolana Consult e a Fundação Portuguesa Alentejo.

De acordo com a fonte, é importante que a camada juvenil procure sempre um centro de formação para frequentar um curso técnico profissional de modo a estarem habilitados para exercerem uma profissão.

“ Muitos jovens não são admitidos por vezes em certos postos de emprego por falta de conhecimentos profissionais, por esta razão é necessário que os mesmos apostem na formação”, referiu.

Com a duração de sete meses, a segunda fase do projecto vai contar com cento e vinte jovens que vão frequentar a formação na Unidade de Formação em Hotelaria do Centro Polivalente de Formação Profissional, em Luanda, nas áreas de Recepcionista de Hotel e de Turismo Ambiental e Rural.

O projecto prevê a formação de cerca de 700 técnicos em seis cursos da área de Hotelaria e Turismo entre 2014 e 2016. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA