Jovem francesa livre do VIH ao fim de 12 anos sem tratamento (Vídeo)

(D:R)
(D:R)
(D:R)

Em França, uma jovem de 18 anos pode ser o primeiro caso de remissão completa do vírus da sida.

“Pode ser um passo em direção à descoberta de uma vacina.”

A jovem nasceu com o vírus e recebeu tratamento antirretroviral durante seis anos. Doze anos depois de ter parado os tratamentos, continua a ter um nível de anticorpos do VIH considerado residual. Os médicos atribuem o sucesso ao facto de ter começado o tratamento logo depois da infeção: “Se encontrarmos noutros pacientes as mesmas características, os mesmos mecanismos, podemos ter esperança de parar os tratamentos, sem fazer correr riscos ao paciente, para que eles próprios controlem espontaneamente o vírus”, explica o pediatra Pierre France.

Há outros casos de remissão do vírus, mas esté é o primeiro a ser considerado como remissão completa ao fim de 12 anos. A descoberta de uma vacina pode estar perto: “Pode ser um passo em direção à descoberta de uma vacina, porque a função das vacinas é, justamente, proteger contra uma infeção. Esta jovem tem um sistema imunitário que a protegeu da multiplicação do vírus”, diz Jean-François Delfraissy, diretor da Agência Nacional de Pesquisa sobre a Sida (França).

O caso foi agora revelado no Congresso Internacional sobre o VIH que está a decorrer em Vancouver, no Canadá. “Os peritos esperam que no prazo de dez anos se possa descobrir uma vacina eficaz contra o vírus”. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA