Igreja Bom Deus apela unidade entre cristãos de todo país

Inspector nacional da Igreja Bom Deus, Carvalho Lopes Manuel (Foto: Angop/Arquivo)
 Inspector nacional da Igreja Bom Deus, Carvalho Lopes Manuel (Foto: Angop/Arquivo)

Inspector nacional da Igreja Bom Deus, Carvalho Lopes Manuel (Foto: Angop/Arquivo)

O inspector nacional da Igreja Fraternidade Evangélica de Pentecostes na África (Bom Deus), reverendo Carvalho Lopes Manuel, apelou, nesta quinta-feira, em Luanda, aos féis das várias denominações religiosas à promoção da unidade nacional entre os cristãos de todo o país.

O religioso falava à Angop a propósito de uma campanha nacional de evangelização, cura e maravilha para os membros da Igreja Fraternidade Evangélica de Pentecostes na África (Bom Deus), que vai decorrer de sexta-feira a domingo, na comuna de Camama, município de Belas, na capital do país.

O reverendo Carvalho Lopes Manuel exortou aos féis a inspirarem-se e viver a tolerância, uma vez que para que o comunismo cristão se torne um ministério é necessário que se caminhe em unidade cristã.

Pediu aos féis para que sejam diferentes e transmitam bons ensinamentos em casa, no serviço e ruas para que possam ser construtores de um mundo tolerante e não violento.

Apelou à solidariedade e unidade cristã, realçando o papel das mulheres na resposta ao chamado de Cristo.

“Só se vive em harmonia se for consagrado o amor, para nos tornar mais acolhedores e compreensivos em relação aos outros”, frisou.

Carvalho Lopes Manuel disse que a campanha vai durar três dias e tem por objectivo evangelizar os diversos cidadãos, para crerem na palavra de Deus e cumprir com os mandamentos de Deus, conforme ensina a bíblia e o resgate de valores morais, cívicos e culturais.

“Muitas doenças que têm vindo a incomodar as pessoas não vem por vontade do Criador, mas sim algumas delas é através dos maus espíritos do diabo. Para o efeito, nós promovemos esta actividade para curar os que estão doentes, evangelizar os pecadores e os que ainda não crêem em Jesus”, explicou.

Admitiu que deve haver uma aposta maior na evangelização nas comunidades, para a renovação das consciências, visando o garante da estabilidade da sociedade.

Sublinhou que cada um tem a responsabilidade de expandir a palavra de Deus a nível das escolas, residências e locais públicos, para que as famílias saibam interpretar o bem e o mal, contribuindo desta forma para o crescimento e desenvolvimento espiritual das comunidades.

O evento vai juntar vários pastores nacionais e representantes internacionais da Igreja Bom Deus fora do país, grupos corais, evangelistas, diversos membros da congregação e outros convidados, e será orientado pelo apóstolo Simão Lutumba, líder máximo da referida congregação religiosa. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA