Huambo: Líder da igreja tocoista diz que independência eliminou as desigualdades

Crentes Catolicos durante a Missa (Foto: Angop)

Longonjo – O líder da igreja tocoísta na província do Huambo, pastor Abílio Cayanga-yanga Ukuassapi, disse, domingo, na vila do Longonjo, 64 quilómetros da cidade capital, que a independência acabou com as desigualdades e injustiças no seio dos angolanos.

Crentes Catolicos durante a Missa (Foto: Angop)
Crentes Catolicos durante a Missa (Foto: Angop)

O pastor que falava durante o culto de acção de graças por ocasião do 66º aniversário da igreja, disse que o país estava mergulhado num sistema de injustiça e total humilhação pelo regime colonial.

“Os angolanos por muitos anos viveram humilhados sob regime esclavagista e não era possível falar-se em justiça, tudo ficou ultrapassado com a independência nacional”, frisou.

Entretanto, apelou aos fiés a respeitarem os símbolos da nação e a educar os jovens  servindo a pátria e promovendo valores. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA