Grécia com menos de 24 horas para apresentar propostas de reformas (Vídeo)

(euronews.com)
(euronews.com)
(euronews.com)

As próximas horas são decisivas para a Grécia. O governo de Alexis Tsipras tem de apresentar, até à meia-noite desta quinta-feira, em Bruxelas, (23 horas em Lisboa) um pacote de propostas detalhadas de reformas, aos credores (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional).

O presidente grego, Propokis Pavlopoulos, mostrou-se confiante, após o regresso do chefe do executivo grego do Parlamento Europeu, em Estrasburgo, França.

“Ficou claro, no Parlamento Europeu, neste berço da democracia europeia, que o referendo e o veredicto do povo grego não foram interpretados como uma violação mas como um reinício desse esforço de negociações que tem um e único objetivo: a participação firme da Grécia na Europa e na zona euro”, assegurou Pavlopoulos.

Para Christine Lagarde, diretora-geral do FMI, o caso grego exige uma “reestruturação” da dívida para que se torne “viável”.

“Sempre aconselhámos que o programa caminha com duas pernas. Uma perna é sobre reformas significativas e consolidação orçamental, a outra perna é a reestruturação da dívida, que acreditamos ser necessária, no caso particular da Grécia, para que tenha sustentabilidade da dívida”, remata.

Alexis Tsipras comprometeu-se, na terça-feira, que vai apresentar um novo programa aprimorado, com “reformas credíveis”, aos credores. O Governo de Atenas pediu, oficialmente, um terceiro resgate, através do Mecanismo de Estabilidade Europeu. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA