Grécia: Atenas diz que Financial Times lança boato mal-intencionado

Ministro grego das Finanças, Yanis Varoufakis (AFP)
Ministro grego das Finanças, Yanis Varoufakis (AFP)
Ministro grego das Finanças, Yanis Varoufakis (AFP)

O ministro grego das Finanças, Yanis Varoufakis, qualificou nesta sexta-feira de “boato mal-intencionado” a informação do jornal britânico Financial Times (FT) de que os correntistas poderão perder 30% do valor de seus depósitos no sistema bancário da Grécia.

“A informação do FT (…) é um boato mal-intencionado que a chefe da União de Bancos Gregos negou esta manhã”, disse Varoufakis no Twitter.

O jornal, que cita banqueiros e empresários ligados às negociações, informa que os correntistas gregos com mais de 8 mil euros em suas contas poderão sofrer um confisco similar ao experimentado pelos correntistas de Chipre em 2013 para estabilizar o sector financeiro.

Este confisco “teria lugar em um contexto de reestruturação geral do sector bancário, quando a Grécia voltasse a um programa de socorro”, disse uma das fontes.

O governo grego restringiu os saques a partir de segunda-feira, durante uma semana, para evitar uma fuga em massa de depósitos, um dia antes de a Grécia entrar em “default” com o Fundo Monetário Internacional (FMI).

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, convocou um referendo para o próximo domingo sobre as propostas de austeridade dos credores da Grécia em troca da manutenção do financiamento do país. (afp.com)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA