“Governação errática e irresponsável do Syriza afundou Atenas”

Carlos Carreiras (D.R)

O político critica a atitude irresponsável do governo de Tsipras e refere a falta de concordância nas políticas idealistas do Partido Socialista.

Carlos Carreiras (D.R)
Carlos Carreiras (D.R)

No artigo de opinião publicado hoje no jornal i, Carlos Carreiras dispara críticas sobre a governação do Syriza durante os últimos sete meses.

“Alexis Tsipras chegou ao poder em janeiro cavalgando as causas do combate à evasão fiscal e à corrupção, da recuperação da economia, do cerco aos oligarcas e do fim da austeridade e da miséria. Mas a governação errática e irresponsável do Syriza afundou Atenas numa nova e brutal recessão, provocou uma maciça fuga de capitais e, como consequência, o fecho dos bancos”, escreve o autarca de Cascais.

A demagogia do governo de Tsipras é também ela alvo de fortes críticas, pela forma como enganou o povo helénico. Na opinião de Carlos Carreiras, “há uma questão em que o Syriza tem sido muito bem-sucedido: a internacionalização de uma retórica maniqueísta na análise da crise que só serve os interesses do partido de Tsipras”.

“E o Syriza está sempre do lado certo da história. Do lado da verdade. Da verdade conveniente – como dizer aos gregos que com um ‘Não’ se consegue assinar um acordo em 24 horas e, dois dias depois, ir a uma reunião do Eurogrupo sem uma única proposta escrita”, salienta.

Os dedos apontados por Carreiras aos atuais governantes gregos aplicam-se também ao Partido Socialista, no qual Carlos Carreiras vê uma falta de concordância.

“Carlos César, diz que o programa do PS tem medidas iguais às do Syriza. Sérgio Sousa Pinto, porta-voz socialista, votaria ‘Não’ no referendo se fosse grego. Ferro Rodrigues, líder parlamentar, assinou o manifesto dos 74 – a cópia domética do roteiro político grego. E António Costa já disse tudo e o seu contrário sobre o Syriza – já foi um ‘sinal de mudança’ que indicava o caminho de sucesso aos socialistas, mas também o partido ‘tonto’ no combate à Europa”, contesta o autarca social-democrata. (noticiasaominuto.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA