Executivo investe 432 milhões de dólares na instalação de contadores eléctricos

João Baptista Borges, ministro da Energia e Águas (Foto: Angop)
João Baptista Borges, ministro da Energia e Águas (Foto: Angop)
João Baptista Borges, ministro da Energia e Águas
(Foto: Angop)

Um milhão e 60 mil contadores de energia eléctrica deverão ser instalados no país, até 2017, num investimento avaliado em 432 milhões de dólares, anunciou esta terça-feira, em Luanda, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges.

O governante falava à imprensa no final da primeira reunião ordinária do Conselho Nacional de Concertação Social, orientada pelo Vice-presidente da República, Manuel Vicente.

O ministro adiantou que o projecto incorpora já a construção de uma unidade fabril, que vai passar a produzir os contadores de energia no país, num prazo de 180 dias.

Informou que foram já instalados 170 mil contadores em 12 das 18 províncias do país.

Disse tratar-se de um processo abrangente, que visa substituir o contador pós-pagos pelos pré-pagos, pelas vantagens que trazem, como as de não acumular dívida, porque o consumidor pagará apenas aquilo que puder consumir.

“O cliente faz a gestão do seu consumo e não acumula dívida e as empresas passam a ter receitas para assegurar a manutenção e operacionalização dos sistemas”, salientou.

Explicou que, com sistema pré-pago, o cliente compra um determinado crédito, como se faz com os telefones móveis, e utiliza dependendo das suas necessidades de consumo. (Angop/Expansão)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA