EUA: FBI investiga suposta ameaça de Joaquín “El Chapo” Guzmán contra Donald Trump

(AFP)
(AFP)
(AFP)

O Bureau Federal de Investigações (FBI) analisa uma suposta ameaça do narcotraficante mexicano foragido Joaquín “El Chapo” Guzmán contra o magnata e pré-candidato americano à presidência Donald Trump, informou nesta segunda-feira à AFP um assessor da campanha.

“O FBI está completamente a par da situação e investiga esta ameaça contra o senhor Trump”, disse o assessor ao responder a uma pergunta sobre a decisão do magnata de recorrer às autoridades após receber um twíte da conta @ElChap0Guzman.

A mensagem, que pode não ter qualquer relação com Guzmán, traz uma linguagem muito agressiva e adverte: “continue xingando e vou fazer você comer todas suas sujas palavras maldito miúdo @realDonaldTrump”.

O twíte foi publicado após várias mensagens de Trump na mesma rede social sobre a espectacular fuga no sábado do narcotraficante mexicano de uma prisão de segurança máxima do México.

“Estados Unidos convidarão El Chapo, o chefão da droga mexicana que acaba de escapar da prisão, a se tornar cidadão americano porque nossos ‘líderes’ não podem dizer não” – escreveu com ironia Trump em um dos twítes.

Trump está no olho do furacão desde meados de Junho, quando ao anunciar sua candidatura à Casa Branca em 2016 disse que o México “não envia o melhor” de sua gente aos Estados Unidos.

“Estão trazendo drogas, crime e violadores”, afirmou Trump ao propor a construção de uma muralha na fronteira e forçar o México a financiá-la. (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA