Eleições legislativas em Portugal são marcadas para 4 de outubro

Aníbal Cavaco Silva (AFP)
Aníbal Cavaco Silva (AFP)
Aníbal Cavaco Silva (AFP)

O presidente português, Aníbal Cavaco Silva, marcou para 4 de outubro as próximas eleições legislativas em Portugal, que devem ser disputadas pela coligação de centro-direita, atualmente no poder, e a oposição socialista.

“Essas eleições são particularmente importantes para o futuro de Portugal, na medida que o país se mantém submetido a regras muito rígidas de disciplina financeira, um ano depois de sair do plano de ajuda internacional”, declarou o presidente em discurso televisivo.

O primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, de 50 anos, no cargo desde junho de 2011, brigará por um segundo mandato com seu rival de esquerda, o secretário-geral do Partido Socialista português, António Costa, de 54 anos.

Apontado como favorito durante muito tempo nas pesquisas de opinião pública, o Partido Socialista começou a perder terreno em favor da coligação governamental integrada pelo Partido Social-Democrata (PSD, centro-direita) e o CDS (direita). (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA