Corsino Fortes: “O maior poeta épico cabo-verdiano”

O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes faleceu, esta sexta-feira dia 24 de julho de 2015, em São Vicente, vítima de doença prolongada (Facebook Corsino Fortes)
O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes faleceu, esta sexta-feira dia 24 de julho de 2015, em São Vicente, vítima de doença prolongada (Facebook Corsino Fortes)
O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes faleceu, esta sexta-feira dia 24 de julho de 2015, em São Vicente, vítima de doença prolongada
(Facebook Corsino Fortes)

O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes faleceu, esta sexta-feira, no Mindelo, em São Vicente, com 82 anos, vítima de doença prolongada. Cabo Verde está de luto após ter perdido o que é considerado “o maior poeta épico cabo-verdiano”.

O poeta cabo-verdiano Corsino Fortes disse adeus a este mundo na sua ilha natal de São Vicente. A sua partida ocorre dois dias após o lançamento, na Praia, do seu último livro “Sinos de silêncio – canções e haikais”.

Vera Duarte, escritora e vice-presidente da Academia Cabo-verdiana de Letras vê em Corsino Fortes o maior poeta épico nacional. (rfi.fr)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA