Bié: Mais de USD um milhão serão empregues em projectos de água

População das povoações de Camera e Lonjonjo (Foto: Leonardo Castro/Arq.)
População das povoações de Camera e Lonjonjo  (Foto: Leonardo Castro/Arq.)
População das povoações de Camera e Lonjonjo (Foto: Leonardo Castro/Arq.)

Um milhão e 200 mil dólares norte-americanos serão investidos este ano, pela Organização Não-governamental Checa “People in Need”, na construção e reparação de pontos de água potável, nas comunidades da província do Bié.

O projecto será financiado pela Fundação de Inovação para África e prevê beneficiar 84 mil pessoas que habitam em duzentas e dez aldeias da província do Bié.

Enquadra-se no projecto “Água Potável para as Comunidades Remotas”, de acordo a responsável da Fundação de Inovação para África, Patrícia Sousa Cunha.

A fonte disse à Angop, neste sábado, que são bons os resultados do programa do Executivo “Água para Todos”, pois permite que as comunidades tenham água limpa para o consumo.

Sem revelar o número de manivelas a serem construídas, salientou que o projecto vai contar com a intervenção directa das administrações municipais e dos comités de água, a serem criados nas comunidades rurais, a fim de garantir a sustentabilidade do projecto.

Além da colocação e reparação das manivelas, serão igualmente capacitados os líderes comunitários sobre questões técnicas, no intuito de facilitar a reparação das manivelas, tratamento da água e outras medidas de higiene e saneamento a nível das comunidades. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA