Bengo: Atendimento humanizado aumenta procura de serviço hospitalar na Barra do Dande

Director do Hospital Geral da Barra do Dande, João das Necessidades Fernandes (Foto: Adão João Pedro)
Director do Hospital Geral da Barra do Dande, João das Necessidades Fernandes (Foto: Adão João Pedro)
Director do Hospital Geral da Barra do Dande, João das Necessidades Fernandes (Foto: Adão João Pedro)

O director do Hospital Geral da Barra do Dande, João das Necessidades Fernandes, afirmou segunda-feira que o melhoramento da assistência médica e medicamentosa, aliada ao atendimento humanizado de pacientes tem permitido maior afluência de doentes a esta unidade sanitária.

Em declarações à Angop sobre a afluência de doentes no hospital, o responsável enalteceu o papel do corpo clínico, particularmente dos enfermeiros que têm zelado pela humanização dos serviços aos hospitalares.

Segundo esclareceu, a maior parte dos pacientes são provenientes da província de Luanda, com destaque para o município de Cacuaco, bem como da região do Panguila e da comuna da Barra do Dande, município do Dande.

“Agradeço muito aos nossos pacientes por afluírem à nossa unidade hospitalar, o que demonstra a confiança dos utentes no trabalho dos profissionais de saúde”, ressaltou.

Com efeito, apelou aos enfermeiros a melhorar cada vez mais as condições sanitárias e higiénicas, para satisfazer as necessidades dos pacientes que acorrem nesta unidade hospitalar.

Com 112 camas para internamento, a unidade hospitalar tem dois blocos operatórios, banco de urgência, morgue, serviços de raio X, pediatria, medicina, odontologia, oftalmologia, neurologia, ortopedia, cardiologia, dermatologia, ginecologia/obstetrícia e outros.

Funcionam no hospital geral da Barra do Dande por 176 funcionários, entre médicos, enfermeiros, técnicos de diagnósticos e terapêuticos, auxiliares de apoio hospitalar e para serviços administrativos. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA