1º trimestre. Portugal mantém maior dívida pública da UE

(OJE)
(OJE)
(OJE)

Portugal manteve no final do primeiro trimestre do ano a terceira dívida pública mais elevada da União Europeia (UE), em percentagem do PIB (129,6%), apesar de um ligeiro recuo face ao último trimestre de 2014, revela o Eurostat.

Os dados sobre a dívida pública agora atualizados pelo gabinete oficial de estatísticas da UE mostram que, no final do primeiro trimestre do ano, a dívida governamental em termos de percentagem da riqueza nacional, comparativamente ao trimestre anterior, subiu tanto na zona euro, de 92% para 92,9%, como na UE (de 86,9% para 88,2%).

Em termos homólogos, ou seja, face ao primeiro trimestre de 2014, a dívida também subiu tanto no espaço monetário único (era de 91,9% um ano antes), como no conjunto da União (era de 86,2%).

Portugal continua a ser o terceiro país com uma dívida pública mais elevada, apenas superado por Grécia (168,8% do Produto Interno Bruto) e Itália (135,1%), embora tenha registado recuos de 0,6 pontos percentuais face ao trimestre anterior e 3,6 em termos homólogos (a dívida pública portuguesa atingia os 133,3% do PIB no final do primeiro trimestre de 2014).

Já os mais baixos rácios de dívida pública encontravam-se, no final de março, na Estónia (10,5%), Luxemburgo (21,6%) e Bulgária (29,6%). (OJE/Lusa)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA