Universidade de Al-Azhar condena ataque frustrado contra templo de Karmak no sul do Egito

A Universidade Al-Azhar, a mais antiga islâmica, condenou o ataque terrorista frustrado quarta-feira última e perpetrado por terroristas contra o templo de Karnak, no sul do Egito, fazendo dois mortos entre os assaltantes e vários feridos dos quais um terceiro terrorista, anuncia um comunicado da instituição.

Universidade Al-Azhar (D.R)
Universidade Al-Azhar (D.R)

Porém, a Al-Azhar saudou a eficácia e a vigilância das forças de Polícia que conseguiram frustrar e fazer face aos destruidores, protegendo assim várias vidas inocentes.

Este ato « cobarde », que coincide com a realização da cimeira dos três blocos africanos em Charm El-Cheikh, no Egito, para apoiar a economia egípcia, na presença de líderes e de chefes de Governo de vários países africanos, comprova que o terrorismo violento não quer o bem-estar dos filhos do Egito em particular e do continente africano em geral.

A Universidade de Al-Azhar apelou a todos os Egípcios para se entreajudarem a fim de fazerem face a todas as ameaças e repelirem as forças do mal e do terrorismo que visam todo o mundo sem exceção. (panapress.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA