Rússia cria ‘canhão de micro-ondas’ que pode desactivar drones

(Foto: US Air Force / Staff Sgt. Brian Ferguson)
(Foto: US Air Force / Staff Sgt. Brian Ferguson)
(Foto: US Air Force / Staff Sgt. Brian Ferguson)

A nova arma poderá desactivar equipamento electrónico de drones e ogivas de armamentos de alta precisão.

A Corporação Unida de Construção de Instrumentos que faz parte da estatal russa Rostec criou um equipamento de supre alta frequência para os mísseis BUK que pode neutralizar os sistemas electrónicos de drones e ogivas de armas de alta precisão, permitindo uma defesa circular de 360 graus, disse um representante da corporação.

O “canhão de microondas” foi criado para o Ministério da Defesa e será apresentado apenas a especialistas no fórum Army 2015 (Exército 2015, em português), um evento internacional técnico-militar que terá lugar entre o dia 16 e 19 de Junho perto de Moscovo. As características técnicas completas não são divulgadas, mas segundo frisou o representante da corporação, o alcance ultrapassa os dez quilómetros. As características técnicas desta arma não têm análogos conhecidos no mundo.

“O complexo possui um poderoso gerador relactivístico e uma antena reflectora, um sistema de direcção e controle e um sistema de transmissão instalados no chassi do sistema de mísseis antiaéreos BUK. Instalado numa plataforma especial, o ‘canhão de microondas’ poderá garantir a defesa circular de 360 graus”, manifestou o representante da Corporação Unida de Construção de Instrumentos.

Segundo ele, o complexo é capaz de efectuar a supressão do equipamento radio-electrónico dos alvos aéreos voando a baixa altitude e ogivas de armas de alta precisão. O canhão neutraliza o equipamento de aviões, drones e armas de alta precisão, frisam os criadores. (sputniknews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA