Polícia de Trânsito regista 18 mortes no fim-de-semana no país

POLÍCIA CONTINUA A REALIZAR OPERAÇÃO STOP PARA REDUZIR ACIDENTES (Foto: Pedro Parente)

Dezoito mortos e 122 feridos, entre graves e ligeiros, é o balanço de 60 acidentes de viação registados, durante o fim-de-semana, pela Polícia de Trânsito, no país, informou à Angop o porta-voz do Comando Geral da Polícia Nacional (CGPN), comissário Aristófanes dos Santos.

POLÍCIA CONTINUA A REALIZAR OPERAÇÃO STOP PARA REDUZIR ACIDENTES (Foto: Pedro Parente)
POLÍCIA CONTINUA A REALIZAR OPERAÇÃO STOP PARA REDUZIR ACIDENTES (Foto: Pedro Parente)

De acordo com o oficial, em relação ao fim de semana anterior houve o aumento de 10 acidentes, menos quatro mortes e menos 11 feridos.  Dos acidentes destacam-se os atropelamentos, choques entre veículos e motorizadas, em obstáculos fixos e despistes seguidos de capotamentos.

Como causa dos acidentes, Aristófanes dos Santos apontou a pouca prudência por parte de automobilistas e peões, condução sobre efeito de álcool, pouca eliminação pública, bem como a não observância das regras de trânsito.

No mesmo período a corporação registou 124 crimes, mais seis em relação ao período em comparação e deteve preventivamente 99 supostos criminosos.

Dos crimes, prosseguiu, constam homicídios voluntários, involuntários, frustrados, ofensas corporais, furtos e roubos de artigos diversos, valores monetários, e de viaturas no interior de residências, estabelecimentos comerciais e na via pública.

Segundo o oficial, foi registado um Homicídio involuntário, por eletrocussão, praticado por um cidadão de 38 anos de idade, sendo vítima uma mulher 23 anos, por negligência, em uma residência, em Cabinda

Constam dos registos o homicídio  com arma de fogo, praticado por desconhecidos em que foi morto um homem de 29 anos, no quintal da sua residência no Bairro Vidrul, município de Cacuaco, quando surpreendido pelo meliante. O homicídio frustrado ocorreu no município do Andulo, província do Bié, quando um homem de 24 anos de idade atacou com um machado um sujeito de  29 anos devido a um desentendimento.

A Polícia Nacional registou a violação de uma criança de 15 anos de idade, praticada por dois jovens, dos quais um já detido, quando a menina saía de uma festa, no Alto Zambeze, província do Moxico e  em Luanda também foi violada uma jovem de 18 anos, dentro de casa por dois homens não identificados no município do Cazenga.

Na via pública, no distrito urbano do Kilamba-Kiaxi, em Luanda, registou-se o roubo de três viaturas, praticado por quatro homens não identificados que seguiam a bordo de duas viaturas.

A polícia recuperou duas viaturas ligeiras sendo uma na cidade do Lubango, província da Huila e a outra no município de Viana, ambas furtadas por desconhecidos na última semana. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA