Ministro da Defesa de Portugal termina visita

(DR)
(DR)
(DR)

O ministro da Defesa de Portugal, José Pedro Aguiar-Branco, deixou hoje, quarta-feira, Luanda, depois de cumprir uma visita de trabalho de três dias ao país que serviu para incrementar as relações bilaterais na área da defesa.

Durante a sua permanência em Angola, o ministro luso assinou, com o seu homólogo angolano, João Gonçalves Lourenço, um protocolo de cooperação no domínio do ensino e formação militar, bem como passou em revista assuntos de interesse bilateral, com destaque para o estado de implementação do Acordo Geral de Cooperação Técnico-Militar entre os dois governos.

José Pedro Aguiar-Branco manteve igualmente um encontro de cortesia com o ministro angolano dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, Cândido Pereira Van-Dúnem, com quem abordou a necessidade de se encontrar uma agenda comum em benefício das pessoas inseridas nesta classe em Angola e Portugal.

Ainda durante a sua estadia em Luanda, o ministro português visitou o Museu de História Militar de Angola que considerou de importante por perpetuar os feitos dos cidadãos que lutaram para a conquista da independência, da paz e da reconciliação nacional.

No derradeiro dia da sua visita, terça-feira, José Aguiar-Branco presenciou o exercício combinado de fuzileiros navais de Angola e de Portugal, a bordo do navio “NRP Figueira da Foz” que se encontra no país com vista o reforço das relações de cooperação entre as duas marinhas.

No Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, o governante luso que não prestou declarações à imprensa, recebeu cumprimentos de despedida do secretário de Estado para a Política de Defesa Nacional, almirante Gaspar Santos Rufino, e de outras entidades presentes para o efeito. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA