Huíla: Pais e encarregados de educação devem cultivar na criança gosto pela leitura

PEDRO MUSSUNDA, CHEFE DE DEPARTAMENTO DE MASSIFICAÇÃO CULTURAL (FOTO: JOSÉ KRISTHINAS)

Lubango- Pais e encarregados de educação são exortados a incentivarem nas crianças ao gosto pela literatura infantil, para que sejam pessoas cultas, aconselhou hoje, segunda-feira, no Lubango, o chefe de departamento de massificação cultural, Pedro Mussunda.

PEDRO MUSSUNDA, CHEFE DE DEPARTAMENTO DE MASSIFICAÇÃO CULTURAL (FOTO: JOSÉ KRISTHINAS)
PEDRO MUSSUNDA, CHEFE DE DEPARTAMENTO DE MASSIFICAÇÃO CULTURAL (FOTO: JOSÉ KRISTHINAS)

Falando à Angop a propósito da inauguração, nesta quinta-feira, do Jardim do Livro Infantil, por ocasião do Dia Internacional e da Criança Africana, celebrados a 1 e 16 de Junho, respectivamente, o responsável disse que a leitura constitui uma oportunidade para a criatividade pessoal e desenvolvimento psico-motor e intelectual da criança.

“É sempre necessário que os pais e encarregados de educação busquem alguns mecanismos que possam entreter a criança, principalmente a leitura, para que saibam não só ler, mas também escrever correctamente”, disse.

Sublinhou que existem ainda pais que ao invés de ocupar a criança com livros preferem comprar artigos com preços altos que não ajudam no seu crescimento, tais como telemóveis, videogames, entre outros.

Sobre o Jardim do Livro Infantil, Pedro Mussunda afirmou que estarão expostas mais de nove mil obras literárias de escritores nacionais, assim como discos, cujos preços irão de 350 a mil e 500 Kwanzas.

O evento, que terá a duração de quadros dias será inaugurado pelo governador provincial da Huíla, João Marcelino Tyipinge. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA