Huambo: MPLA pede contribuição de militantes na diversificação económica

Mungo – Os militantes do MPLA no município de Mungo, 150 quilómetros da cidade do Huambo, foram instados nesta segunda-feira a contribuírem nas acções que visam a diversificação da economia, para inverter-se o actual quadro socioeconómico, derivado da queda do preço do petróleo.

Militantes do Mpla (Foto: Angop)
Militantes do Mpla (Foto: Angop)

O repto foi lançado pela deputado do MPLA pelo ciclo provincial do Huambo, Maria do Rosário Amadeu, quando falava durante um acto politico com os militante na comuna de Cambuengo, destinado ao reforço e revitalização das estruturas de base.

Disse que a actual situação económica do país exige a contribuição dos militantes para a diversificação da economia, devendo-se apostar mais na agropecuária, além de estarem atentos a falsos pronunciamentos de políticos que deturpam a informação sobre o assunto.

“Temos informações que alguns políticos da oposição estão a passar mensagem deturpada sobre o momento que o país vive. Com esses encontros queremos que os nossos militantes, amigos e simpatizantes estejam bem informados, de modo a não aceitarem aqueles que procuram denegrir o bom trabalho que está a ser desenvolvido pelo governo em vários domínios”, realçou.

Apelou, por outro lado, os militantes a cultivarem o espírito de unidade e a denunciarem aqueles que incitam actos de violências nas comunidades.

Maria do Rosário Amadeu referiu que o país já viveu muitos anos de conflito armado e nesta altura a população deve desfrutar dos benefícios da paz conquistada com muito sacrifício. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA