Extremismo: Sete pessoas da mesma família mortas em bombardeamento

(D.R)

Sete membros da mesma família morreram no domingo num bombardeamento da coligação internacional contra o grupo Estado Islâmico (EI) no norte da Síria, informou hoje o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

(D.R)
(D.R)

As vítimas são um casal e cinco filhos menores, que perderam a vida num ataque aéreo em Dali Hoson, no nordeste da província de Alepo.

Com estas mortes é elevado para 148 o número de civis mortos, incluindo 48 crianças, que morreram nos bombardeamentos da coligação desde que a aliança internacional iniciou as suas operações na Síria a 23 de setembro do ano passado.

Os ataques têm sido registados nas províncias de Al Hasaka, Deir al Zur, Al Raqa, Alepo e Idleb, e maioritariamente contra instalações petrolíferas nas mãos do EI.

O EI proclamou, há quase um ano, um califado na Síria e no Iraque, tendo tomado o controlo de extensas zonas territoriais. (noticiasaominuto.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA