EUA: Preços do petróleo fecham em alta a 60,45 dólares

(Foto: D.R.)
(Foto: D.R.)
(Foto: D.R.)

Nova York – Os preços do petróleo subiram  quinta-feira, em Nova York, beneficiando-se, sobretudo, de um enfraquecimento do dólar num mercado sem grandes novidades para se orientar.

O valor do barril de “light sweet crude” (WTI) para entrega em Julho ganhou 53 centavos, a 60,45 dólares, no New York Mercantile Exchange (Nymex).

No Intercontinental Exchange (ICE) de Londres, o barril de Brent do mar do Norte para entrega em Agosto subiu 39 centavos, a 64,26 dólares.

“O mercado se encontra estável há uma semana, ganhando ou perdendo menos de um dólar de um dia para o outro”, comentou James Williams, da WTRG Economics.

“Realmente, não há nada que justifique um movimento em um ou outro sentido. No terreno geopolítico, não acontece nada de significativo”, completou.

Desde sexta-feira, os preços evoluem em torno dos 60 dólares, nível em que parecem se estabilizar desde o fim de Abril, após caírem abaixo dos 45 dólares no começo do ano, tido como o pior nível em seis anos.

Nesse contexto pouco animado, as quotações teriam se beneficiado, sobretudo, de um apoio externo e de uma “correlação inversa com o dólar, depois do comunicado do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos EUA) que foi negativo para a moeda”, considerou Bob Yawger, da Mizuho Securities.

Depois de sua reunião em Junho, o Fed manteve na quarta-feira suas taxas em níveis próximos a zero, tornando o dólar menos atraente. O Banco avaliou ainda que a economia americana mostra um crescimento “moderado”, após o mau desempenho do primeiro trimestre.

“O que é negativo para o dólar é positivo para os preços do cru”, lembrou Yawger. (portalangop.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA