Crise grega mergulha praças financeiras no vermelho

(euronews.com)
(euronews.com)
(euronews.com)

A crise grega propagou-se às praças financeiras europeias que passaram a manhã a negociar no vermelho. No domingo as conversações em Bruxelas saldaram-se por um novo falhanço. O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse esta manhã aguardar pacientemente que os credores mudem de ideias e sejam realistas.

“Ou a Grécia sai do euro ou não, em qualquer dos casos precisamos de uma decisão. A incerteza está a arrastar-nos para o vermelho. Mas nós sabemos que se os gregos permanecerem no euro, a longo prazo não vai mudar nada. Deem uma hipótese aos gregos: deixem-nos sair do euro” – afirmou esta manhã Robert Halver, analista de mercado no Baader Bank, em Frankfurt.

A bolsa de Atenas acusava uma desvalorização superior a quatro por cento a meio da manhã. As praças da zona euro, como Frankfurt, Paris, Milão, Madrid e Lisboa registavam perdas entre 1 e 2 por cento. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA