Coordenador do bairro Mulundo pede tenda permanente para serviços de saúde

Combate á Malária (Foto: Angop)
Combate á Malária (Foto: Angop)
Combate á Malária (Foto: Angop)

O coordenador do bairro do Mulundo, comuna da Funda, município de Cacuaco, Evaristo Epalanga, pediu hoje, terça-feira, que seja instalada uma tenda de campanha de serviços permanentes de saúde para atendimento de crianças com malária.

Segundo Evaristo Epalanga, em declarações à Angop, de 25 de Maio a 17 de Junho faleceram 13 crianças de malária severa, depois de terem sido assistidas no hospital de onde receberam alta.

“ a colocação de uma tenda de campanha com serviços permanentes vai permitir o atendimento imediato das crianças caso seja necessário”, desabafou o coordenador.

Por sua vez, a directora municipal da saúde de Cacuaco, Catarina Oapanga, disse que esta em curso um plano de atendimento mensal para a comunidade do bairro Mulundo.

De acordo com Catarina Oapanga, a situação de higiene no bairro é precária, pois se regista acumulação de lixo, facto que tem obrigado algumas instituições religiosas a fazerem campanhas de limpeza constante.

“ O abastecimento de água potável é feito por cisterna, da administração comunal da Funda, e apesar de sensibilizados para que usem lixívia e hipoclorito para o tratamento da água, entregue gratuitamente, muitos não o fazem”, afirmou.

No princípio do mês de Maio último, o paludismo, na altura sem diagnóstico, vitimou em oito dias 21 crianças de nove e 10 anos de idade que se queixavam de fortes dores de cabeça, abdominais e febre alta, levando o Ministério da saúde a instalar uma equipa de 60 técnicos que assistiram os moradores da área.

A directora do Gabinete Provincial da Saúde de Luanda, Rosa Bessa, disse na ocasião que os técnicos passaram de casa em casa para encontrar possíveis doentes que não foram a procura de assistência médica.

Acrescentou que esta actividade foi complementada com a colheita de amostras de água, fumigação e pulverização extra e intra domiciliar com insecticida, para combater os mosquitos e suas larvas.

A Direcção Municipal da Saúde de Cacuaco controla 19 unidades sanitárias. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA