Chivukuvuku impedido de visitar activistas detidos por conspiração

Abel Chivukuvuku (VOA)
Abel Chivukuvuku  (VOA)
Abel Chivukuvuku (VOA)

O líder da Casa-CE Abel Chivukuvuku foi impedido de visitar nesta quinta-feira, 24, alguns jovens do auto-denominado Movimento Revolucionário detidos no sábado passado pela polícia de investigação, sob acusação de planearem uma campanha de desobediência para o derrube do presidente José Eduardo dos Santos.

Chivukuvuku foi impedido de visitar os presos apesar de ter prometido que não falaria com eles,mas que pretendia apenas verificar o seu estado de saúde.

“Tínhamos a intenção de exprimir solidariedade aos jovens detidos injustamente, mas também queríamos saber da condição física dos mesmos se foram violentados ou não”, explicou.

Entretanto, todas as tentativas de visitar os presos resultaram-se infrutíferas, o que obrigou Chivukuvuku e a sua delegação a abandonar as instações dos Serviços de Investigação Criminal, onde se encontram os jovens.

“O regime está cada vez mais antidemocrático”, lamentou, acrescentando que “tudo indica que o procurador terá recebido ordens superiores para não permitir a nossa visita”.

O líder da Casa-CE e acompanhantes, bem como os jornalistas, esperaram quase quatro horas para terem uma resposta negativa. (voa.com)

por Manuel José

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA