Burundi: Série de ataques a granada causam quatro mortos no norte do país

BANDEIRA DO BURUNDI

Bujumbura – Quatro pessoas foram mortas e e 30 outras feridas numa nova vaga de ataques com granadas perpetrados no norte do Burundi e em Bujumbura na noite de domingo para segunda-feira, a uma semana das eleições legislativas, soube-se nesta segunda-feira de fontes policial e administrativas.

BANDEIRA DO BURUNDI
BANDEIRA DO BURUNDI

Os quatro mortos e a grande maioria de feridos, segundo noticia a AFP, foram registados no mesmo ataque que ocorreu em Ngozi (norte), província natal do chefe de Estado Pierre
Nkurunziza.

Foi registado igualmente o ferimento de 11 agentes da  polícia na noite de sexta-feira para sábado, numa série de ataques à granada na capital do país,  Bujumbura, segundo a
polícia.

As tensões continuam vivas no Burundi a uma semana das eleições  parlamentares de 29 de Junho, depois as presidenciais no dia 15 de Julho, nas quais  o Presidente Pierre
Nkurunziza deve concorrer a um terceiro mandato, malgrado os distúrbios que isso suscitou no país.

Enquanto isso, o senegalês Abdoulaye Bathily, representante do secretário geral da ONU para a África Central, foi designado como o novo facilitador da crise no Burundi, anunciou
sábado, em Bujumbura, o chefe da diplomacia burundesa Aimé-Alain Nyamitwe, citado pela AFP. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA