Ataques do Boko Haram fazem 43 mortos na Nigéria

(AFP)
(AFP)
(AFP)

Pelo menos 43 pessoas perderam a vida na terça-feira nos ataques lançados pelo grupo islamita Boko Haram contra três localidades do nordeste da Nigéria, informaram nesta quinta-feira à AFP moradores que conseguiram fugir.

Dezenas de insurgentes em motos atacaram na terça Matangale, Buraltima e Dirmanti, no estado de Borno, atiraram contra os moradores, saquearam e incendiaram as casas, informaram testemunhas.

As informações sobre estes ataques sangrentos, que revelam um novo aumento da violência no nordeste do país, demoraram a ser divulgadas, devido a problemas na rede de telecomunicações na região, destruída em boa parte pelo Boko Haram no passado.

“Chegaram por volta das 16H00 (hora local, 12H00 de Brasília) em 20 motos, três homens armados em cada uma, e atacaram Matangale antes de prosseguir para Buraltima e Dirmanti”, informou um morador do local, Dala Tungushe.

“Mataram 43 pessoas e incendiaram as casas das três aldeias depois de pilhar todas as reservas de comestíveis”, acrescentou, após ter conseguido fugir de Matangale até Biu, a 90 km de distância.

Matangale foi a população mais duramente afectada pelos atacantes, que atiraram contra um grande número de pessoas reunidas em volta de um poço na parte externa da aldeia. (afp.com)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA