Al Qaeda reivindica dois últimos ataques contra Minusma – imprensa

(Foto: USNI News)

Nouakchott – A Al Qaeda no Magreb Islâmico (AQMI) reivindicou os dois últimos ataques contra a força da ONU no Mali esta semana, em Bamaco e no norte do país, noticiou a agência mauritana Al Akhbar.

(Foto: USNI News)
(Foto: USNI News)

O AQMI afirma “sua responsabilidade no ataque com foguetes contra uma base da Minusma em 25 de Maio” em Bamaco e na explosão de uma mina na quinta-feira contra um comboio onde viajavam chefes desta força da ONU no Mali, no norte país, afirmou Al Akhbar, citando um porta-voz do AQMI, Abderrahman Al Azawadi.

Um soldado morreu e outro ficou gravemente ferido no ataque de Bamaco e três capacetes azuis ficaram feridos na explosão da mina no norte do país. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA