Ulrich: “Pôr o BPI ao lado” do BES ou do Montepio “é uma ofensa”

Fernando Ulrich, BPI (Foto: D.R.)
Fernando Ulrich, BPI (Foto: D.R.)
Fernando Ulrich, BPI
(Foto: D.R.)

O presidente do BPI considera “uma ofensa” colocar o BPI no mesmo patamar que instituições como o BES ou o Montepio.

“Pôr o BPI  ao lado” do BES ou do Montepio “é uma ofensa”, afirmou Fernando Ulrich numa conferência de imprensa de apresentação de resultados do primeiro trimestre.

“Não misture o BPI nesses conjuntos. Pôr o nome do BPI ao lado desses bancos é uma ofensa”. Foi desta forma que Fernando Ulrich respondeu à questão sobre se o que se está a passar no sector, com as mudanças no BES, no Novo Banco, no Montepio e no BPI pode ser considerado uma revolução.

“Não há nenhuma revolução no BPI. Estamos a evoluir com os nossos accionistas de há muito tempo e que são todos muito importantes para nós”, salientou.

Quanto aos restantes bancos, que Ulrich nunca nomeou, “quem tem responsabilidades, seja a gestão seja a supervisão, que assegure que tudo corra bem”.  (jornaldenegocios.pt)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA