Uíge: OMA promove conferência sobre o papel da família no resgate de valores morais

OMA (mpla.ao)
OMA (mpla.ao)
OMA (mpla.ao)

Uma conferência sobre o “Papel da família na resgate dos valores morais, cívicos e cultura” foi promovida hoje sexta-feira, nesta cidade, pelo secretariado local da Organização da Mulher Angolana (OMA), no quadro do programa do dia Internacional da família comemorado a 15 de Maio transacto.

A secretária provincial da OMA, Nazaré dos Anjos, ao intervir na abertura do encontro, ressaltou que a conferencia visa reforçar a mensagem da paz, amor, respeito, compreensão, diálogo, coesão e bom relacionamento entre os membros da família.

“A OMA na província está consciente que os vários desafios colocados à família, mulher ocupa um papel fundamental, não só através da maternidade o que constitui a sua identidade principal, mas também, como um elemento agregador imprescindível sem o qual a unidade familiar não sobrevive”, recordou.

Ao presidir a cerimónia de abertura, o 2º secretário do comité provincial do Uíge, Janota Ginga recomendou a necessidade de continuar a ocupar o seu lugar de célula base da sociedade e considerar-se o lugar de socialização por excelência na transmissão prática de bons costumes e hábitos culturais.

Pautar por comportamentos dignos e aceitáveis socialmente foi igualmente referenciado pelo segundo secretário provincial do MPLA no Uíge que representou o 1º secretário, Paulo Pombolo.

Destacou por outro, o papel valioso que a mulher exerce no seio da família mormente na educação dos filhos, assim como o seu contributo no desenvolvimento da sociedade e da província em particular.

A conferência que decorreu em sistema de palestras, abordou temas como “a influência da família no resgate dos valores morais, cívicos e culturais”, “algumas normas de cortesia feminina”, “o planeamento familiar”, “o papel da mulher religiosa na harmonização familiar”, “a importância do uso das novas tecnologias de informação, vantagens e desvantagens”.

Participaram da I Conferência enquadrada nas jornadas do dia internacional da Família, mulheres de diversas organizações femininas da província. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA