Seminário sobre “Comunicação Social Prática” destaque da semana finda

Mesa do Presidium na abertura oficial do Curso de Comunicação Social na Prática (Foto:Angop)

A realização, em Luanda, do seminário sobre “Comunicação Social Prática” e do XIV Conselho Consultivo Alargado do Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, no Cuanza-Sul, sob o lema “Na diversidade, unidos e coesos consolidemos a pátria, rumo ao 40º aniversário da independência nacional” marcaram a semana que hoje, sábado, termina.

Mesa do Presidium na abertura oficial do Curso de Comunicação Social na Prática (Foto:Angop)
Mesa do Presidium na abertura oficial do Curso de Comunicação Social na Prática (Foto:Angop)

O seminário sobre “Comunicação Social Prática”,  decorre desde 27 de Maio até 04 de Junho, dirigido aos chefes de redacção, editores, jornalistas e outros profissionais ligados à Comunicação Social tem como objectivos capacitar técnicos na área de comunicação institucional e outros serviços directos do sector, bem como responsáveis editoriais dos órgãos públicos, no sentido de compreender melhor a dinâmica da comunicação entre aquilo que é produzido pelo Executivo e as expectativas do cidadão.

No acto de abertura, o ministro José Luís de Matos, reiterou a continuidade na formação institucional dos profissionais da Comunicação Social e noutros organismos do Estado.

Já o director de Comunicação Institucional do Ministério da Comunicação Social, Paulo Gomes, disse que a formação enquadra-se no âmbito do Plano Nacional de Formação de Quadros, na vertente da formação profissional.

Relativamente ao XIV Conselho Consultivo Alargado do Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, que decorria desde o dia 28 e encerra hoje, sábado (30) do corrente mês,  ressalta-se a afirmação do ministro Candido Pereira dos Santos Van-Dúnem, de que o novo sistema de processamento das pensões, o plano de desenvolvimento do ministério para 2015 e o programa de capacitação dos quadros está a ser desenvolvido pelo ministério.

O ministro Candido Pereira dos Santos Van-Dúnem sublinhou que ao longo do Conselho será feita a apresentação e análise do relatório de actividades do ano de 2014 desenvolvidas pelo ministério.

Já o ministro da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, António Pitra Neto, disse que a Inspecção Geral do Trabalho (IGT) vai passar a realizar, trimestralmente, depois da nova Lei Geral do Trabalho (LGT) entrar em vigor, um plano de formação para as comissões de prevenção de riscos de acidentes de trabalho nas empresas, em parceria com as centrais sindicais, a luz do aludido diploma aprovado recentemente pela Assembleia Nacional.

O governante, que falava durante um encontro de trabalho sobre os novos procedimentos para a IGT, a luz do novo estatuto orgânico, referiu que esse órgão, através do MAPTSS, vai trabalhar com as três forças sindicais, Unta-CS, CGSILA e Força Sindical, no sentido de oferecer melhores condições de trabalho para os funcionários.

De acordo com o ministro, o novo quadro legal que o país irá ter, nos próximos tempos, faz todo sentido que as estruturas da Inspecção Geral do Trabalho tenham mecanismos directos de colaboração activa com as entidades sindicais.

Outra matéria que mereceu também destaque na semana, é a realização de uma palestra sobre “O papel do jornalismo na resolução de conflitos em África, enquadrado nas celebrações do 25 de Maio (dia de África)”.

O encontro visou suscitar debate sobre o desempenho dos mídias nos vários processos socioeconómicos e políticos para a concretização dos ideais do pan-africanismo e para o desenvolvimento do continente africano.(portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA