Responsável da ONU acusa milícias malianas de ligações terroristas

A bandeira da ONU (Foto: UN Photo/John Isaac)
A bandeira da ONU (Foto: UN Photo/John Isaac)
A bandeira da ONU (Foto: UN Photo/John Isaac)

O Secretário-Geral adjunto das Nações Unidas para as Operações de Manutenção da Paz, Hervé Ladsous, acusou os movimentos armados que se recusaram, a 15 de maio último, a assinar o acordo de paz de Bamako de ter ligações terroristas.

Ladsous condenou, por outro lado, os confrontos na cidade de Ménuka, no nordeste do Mali, afirmando que eles representavam uma violação do  acordo do cessar-fogo e que a responsabilidade  desta situação incumbia claramente às milícias ”pró-governementais ”. (panapress.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA