Reguladores da CPLP discutem actividades do sector

EMA CHICOCO - PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DE REGULADORES DAS TELECOMUNICAÇÕES DA CPLP (FOTO: Clemente Dos Santos)

A presidente da Associação de Reguladores de Comunicação e Telecomunicações da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (Arctel – CPLP), Ema Chicoco, afirmou hoje, em Luanda, existir a nível dos países membros uma tendência para o desenvolvimento sustentável do sector das telecomunicações.

EMA CHICOCO - PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DE REGULADORES DAS TELECOMUNICAÇÕES DA CPLP (FOTO: Clemente Dos Santos)
EMA CHICOCO – PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DE REGULADORES DAS TELECOMUNICAÇÕES DA CPLP (FOTO: Clemente Dos Santos)

A presidente de nacionalidade moçambicana, que falava à imprensa à margem da abertura da 7ª assembleia geral da organização, disse que em 2014 a associação definiu várias acções no âmbito do desenvolvimento do sector das telecomunicações relativas, principalmente, à regulação, constitui deste modo uma das prioridades deste grémio.

Por sua vez, o administrador executivo do Instituto Angolano das Comunicações (Inacom), Leonel Augusto, disse à Angop que os delegados ao encontro vão também aprovar o plano de actividades para 2015, o orçamento e um conjunto de projectos no domínio da formação.

Referiu que um dos objectivos principais da Arctel é garantir a troca permanente de experiência e permitir que os reguladores dos diversos países acompanhem a dinâmica do mercado das telecomunicações e tecnologia de informação.

“Angola tem feito muito trabalho no domínio da regulação e no acompanhamento dos reguladores que actuam no mercado nacional”, disse.

A prestação de contas, o balanço das actividades desenvolvidas em 2014 e a apresentação de informações relativas a formação de quadros , constituem os principais pontos de discussão do sétimo encontro da Associação de Reguladores de Comunicação e Telecomunicações da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (Arctel – CPLP), iniciado hoje, em Luanda.

Com a duração de três dias, o encontro dividido em grupos de trabalhos, está a analisar questões relacionadas com o sistema roamining e a informação de dados .

Criada em 2008, a ARCTEL é um fórum onde os reguladores da CPLP trocam experiências e intercâmbio.

Participam do encontro Angola, Moçambique, Cabo Verde, Portugal, Guine Bissau e Timor Leste . (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA