Privados investem mais de 19 milhões para modernizar terminal portuário do Namibe

(OJE)
(OJE)
(OJE)

A empresa privada angolana Sogester vai investir 21,2 milhões de dólares (19,1 milhões de euros) para modernizar o terminal multiuso do porto do Namibe, no sul do país, do qual detém a concessão.

A informação consta do contrato de investimento entre aquela empresa e Agência Nacional para o Investimento Privado (ANIP), em representação do Estado angolano, de 11 de maio. Por sua vez, a Sogester é responsável, na qualidade de concessionária, pelos serviços de carga, descarga e armazenamento de contentores nos portos de Luanda e do Namibe.

O investimento em causa visa a construção de edifícios de apoio, armazéns e outros equipamentos no porto do Namibe, bem como a aquisição de equipamentos, maquinarias e acessórios, além de um programa de formação dos trabalhadores que estão ao serviço.

“A implementação do projeto permite a manutenção de 500 postos de trabalho nacionais”, lê-se no contrato de investimento, que aponta também o propósito de modernizar o terminal portuário.

O porto do Namibe é um dos seis do país e, segundo um relatório do Conselho Nacional de Carregadores de Angola, movimentou 62.980 toneladas de carga no último trimestre de 2014, uma quebra superior a 80% face ao mesmo período do ano anterior, o segundo menos movimentado. (oje.pt)

por OJE/Lusa

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA