Político pede maior actuação das administrações municipais e distritais

Secretário itinerante do comité provincial de Luanda do MPLA, Bento dos Santos “ Kangamba” (Foto: Pedro Parente)

O secretário para organização periférica e rural do comité de Luanda do MPLA, Bento dos Santos “ Kangamba”, apelou à necessidade de maior actuação das administrações municipais e distritais na reabilitação de vias de acesso aos bairros, no fim da época chuvosa.

Bento Kangamba - secretário para organização periférica e rural do comité de Luanda do MPLA (Foto: Pedro Parente)
Bento Kangamba – secretário para organização periférica e rural do comité de Luanda do MPLA (Foto: Pedro Parente)

Em declarações quinta-feira à Angop, o político defendeu a busca de uma estratégia para um plano de acção imediato que tornará mais segura e célere a circulação rodoviária, principalmente na periferia da capital angolana.

De acordo com Bento Kangamba, os municípios devem beneficiar de um plano especial de ligação, por serem os que menos se desenvolveram em termos de ligação por estradas.

Disse ser importante a melhoria das vias dessas localidades, por formas a se equilibrar o seu desenvolvimento aos demais municípios de Luanda.

De acordo com o responsável na época chuvosa a ligação dos municípios rurais aos restantes da província de Luanda foram muito difíceis, advogando neste contexto que os projectos de reabilitação das vias sejam de execução imediata com vista a mudança desse cenário.

Em função dos projectos do Governo Provincial de Luanda, o politico espera que haverá intervenções nas vias locais, sobretudo com a cabimentação financeira para o efeito.

No entanto defendeu mais aproximação e interacção com a população na busca de soluções para os problemas locais, principalmente na reabilitação de vias, fornecimento de energia eléctrica, abastecimento de água potável, segurança pública, educação, bem como atendimento médico sanitário.

Neste âmbito, defendeu a promoção de uma maior aproximação entre os órgãos da administração local e as populações. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA