Motoqueiros vão beneficiar aulas de condução em Luanda

Motoqueiros (Foto: Morais Silva)
Motoqueiros (Foto: Morais Silva)
Motoqueiros (Foto: Morais Silva)

Os motoqueiros que se dedicam ao transporte de passageiros e mercadorias, no município de Viana, vão frequentar este ano as aulas de condução, em Luanda, um projecto da Associação de Motoqueiros e Transportadores de Angola (Amotrang).

No encontro com os motoqueiros, realizado hoje, no município de Viana, em Luanda, o presidente da Associação dos Motoqueiros e Transportadores de Angola (Amotrang), Bento Rafael, adiantou que acções de formação serão permanentes para permitir que os condutores estejam habilitados para o exercício da actividade.

“Queremos passar a mensagem aos moto-taxistas no sentido de terem cada vez mais cautela no exercício da sua actividade, e um dos aspectos é aderir a formação para reduzir a sinistralidade rodoviária” referiu.

Por falta de espaço para a realização de aulas de condução, referiu Bento Rafael, a Amotrang tem estado a dar instrução sobre as regras de trânsito e código de estrada aos condutores de forma ambulatória.

“Nas paragens e pontos de concentração de motoqueiros, no município de Cacuaco, pedimos a eles para parar por cinco minutos para ouvir os professores e monitores com sinais de trânsito” esclareceu o Presidente da Amotrang.

Os motoqueiros, segundo o responsável, “conseguiram entender os conselhos e apreender os conhecimentos sobre as regras de trânsito, e hoje já reclamam pela presença da Amotrang onde exercem a actividade”.

Segundo o responsável, os motoqueiros devem cumprir com as regras para que a sua relação com a polícia seja a melhor, já que toda a actividade deve ter uma regra, para que haja organização.

O Presidente de Direcção da Associação dos Motoqueiros e Transportadores de Angola (Amotrang) pediu aos motoqueiros que usem obrigatoriamente os capacetes, porque é de lei e é para protege-los , assim como ao passageiro.

A Amontrag tem mais de 300 mil motoqueiros inscritos em todo o país. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA