Ministros da Defesa da CPLP preparam contingente para apoiar a ONU em missões de paz

Ministros da Defesa de CPLP reunidos em São Tomé (VOA)
Ministros da Defesa de CPLP reunidos em São Tomé (VOA)
Ministros da Defesa de CPLP reunidos em São Tomé (VOA)

Ministros da Defesa da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa(CPLP)  estão reunidos em São Tomé no XVI fórum da comunidade. Em discussão estão as políticas de defesa nacional de cada país e os projectos de intercâmbio entre os Estados membros.

Neste encontro São Tomé e Príncipe, assumiu a presidência do grupo que pretende criar um contingente militar para apoiar operações de manutenção de paz das Nações Unidas. A proposta foi lançada por Portugal e consta do documento aprovado em São Tomé, intitulado “Identidade da CPLP no domínio da Defesa”.

Enquanto isso, o ministro são-tomense da Defesa e do Mar Carlos Stok destacou a importância do fórum de defesa nacional da CPLP no apoio ao combate a grupos radicais extremistas.

No encontro o Secretário Executivo da CPLP, o moçambicano Murade Murargy dirigiu-se em especial à ministra da Defesa da Guiné Bissau, Cadi Seidi, pela reintegração do seu país no fórum de defesa da CPLP depois de alguns anos de ausência devido ao conflito politico militar.

O ministro Angolano João Lourenço saiu da reunião convicto do reforço da cooperação entre os países membros, no domínio de defesa.

A criação de um colégio de defesa da CPLP, com cursos de especialização para os militares dos Estados membros, bem como o desenvolvimento de projectos de investigação conjuntos e de intercâmbio entre os hospitais militares dos países da comunidade lusófona são propostas que também fazem parte do documento final do encontro dos ministros de Defesa da CPLP de São Tomé. (voa.com)

por Óscar Medeiros

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA