Huíla: Escola Técnica de Saúde lança este ano 640 novos técnicos

(Foto: JA)

Lubango- Seiscentos e 40 novos técnicos de saúde (enfermeiros) serão este ano lançados para o mercado de trabalho pela Escola Técnica de Saúde, informou hoje, quarta-feira, no Lubango (Huíla), o seu director, David Luís.

(Foto: JA)
(Foto: JA)

Em declarações à Angop, o responsável disse que os técnicos estão a concluir os cursos de fisioterapia, análises clínicas, enfermagem-geral, nutrição e saúde ambiental.

Afirmou que estes quadros vão reforçar o sector da saúde, uma vez existir exiguidade de recursos humanos na área, principalmente no interior da província, onde o governo, no âmbito dos serviços de municipalização de saúde, tem edificado várias infra-estruturas sanitárias.

David Luís realçou que estes quadros vão oferecer melhoria e qualidade de serviços aos utentes, no âmbito da política do Plano Nacional de Formação de Quadros (PNFQ).

Sobre a colocação destes quadros, David Luís explicou que a direcção provincial da saúde vai realizar um concurso público na perspectiva de colocá-los, embora alguns estejam já a trabalhar em várias unidades hospitalares da cidade do Lubango.

“A nossa tarefa é de formar enfermeiros, por isso vamos continuar a trabalhar para que a província possa ter o maior número de quadros e fazer com que as principais dificuldades neste ramo possam acabar”, realçou.

A instituição conta actualmente com cinco salas de aulas, algumas das quais instaladas no hospital central do Lubango “António Agostinho Neto” e três laboratórios de enfermagem-geral, anatomia fisiológica e informática e é assegurados por 123 professores.

Desde o ano 2000, ano em que foi instituída, formou mais de mil enfermeiros. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA