Huambo: Governador solicita atenção às famílias vítimas da seita “Luz do Mundo”

HUAMBO: KUNDI PAIHAMA - GOVERNADOR PROVINCIAL (FOTO: Edilson Domingos)

Huambo – O governador da província do Huambo, Kundi Paihama, solicitou hoje, terça-feira, atenção especial do Ministério da Assistência e Reinserção Social (MINARS) às famílias vítimas da doutrina da seita Adventista do 7º Dia Luz do Mundo, de José Kalupeteca.

HUAMBO: KUNDI PAIHAMA - GOVERNADOR PROVINCIAL (FOTO: Edilson Domingos)
HUAMBO: KUNDI PAIHAMA – GOVERNADOR PROVINCIAL (FOTO: Edilson Domingos)

Falando na abertura de um encontro entre o ministro da Assistência e Reinserção Social, João Baptista Kussumua, e os parceiros sociais e de desminagem do Governo, Kundi Paihama, referiu serem muitos os constrangimentos causados às famílias que decidiram, erroneamente, seguir esta doutrina.

Sublinhou que a seita causou a deslocação de várias famílias, de diversas áreas do país para a província do Huambo, colocando-as a viver em condições desumanas, incluindo crianças forçadas a abandonar as escolas e idosos, muitos deles em condições muito debilitadas.

Kundi Paihama acrescentou que, tal situação levou o Governo do Huambo a intervir com apoio alimentar e de acomodação, além de ser já retirada dos locais de concentração e encaminhadas para as zonas de origem.

Durante o encontro vão ser analisados assuntos relacionados com o ponto de situação da assistência e reinserção social no Huambo, a estratégia de expansão da rede de equipamentos de atendimento à primeira infância, programa social de formação de técnicos do serviço social, projectos e avaliação dos equipamentos sociais.

O instituto de formação e coordenação de ajuda às comunidades e o regulamento das ONG, legislação fundamental da acção social e o estado da desminagem, constam igualmente da agenda da reunião.

No período da tarde, João Baptista Kussumua, que se encontra desde segunda-feira no planalto central, vai visitar dois centros de acolhimentos de crianças e a base de desminagem do Essaque, localizada no município do Chicala-Cholohanga. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA