Estudo: Medicamento de osteoporose pode salvar milhares de doentes de cancro da mama

(D.R)

Os cientistas descobriram que um medicamento utilizado no tratamento da osteoporose, e que custa menos de dois euros, evita que o cancro da mama se espalhe pelos ossos.

(D.R)
(D.R)

As vidas de milhares de mulheres podem ser salvas graças à descoberta dos cientistas da Universidade de Sheffield. Estes cientistas descobriram uma forma de impedir que o cancro da mama se espalhe pelos ossos.

Esta é a principal causa de morte em pacientes de cancro da mama. Mas os cientistas descobriram que um medicamento chamado bisphosphonates, atualmente utilizado como tratamento da osteoporose pode impedir que o cancro da mama se espalhe pelos ossos, em cerca de 30% dos casos.

Esta descoberta foi publicada ontem no journal Nature e partilhada pelo Daily Mail. Apesar de ser uma boa notícia para as pacientes e as suas famílias, os investigadores admitem que esta descoberta precisa de ser investigada mais profundamente.

O facto de esta ‘droga’ já estar licenciada para o uso em humano deve acelerar o processo de testes e pesquisas.

A Dra Alison Gartland, uma dos líderes da investigação, disse ao Daily Mail que esta descoberta “é um importante progresso na luta contra as metástases do cancro da mama” e que pode ser uma grande contribuição para “aumentar as probabilidades de sobrevivência de milhares de pacientes”.

Agora os cientistas da Universidade de Sheffield, do Instituto de Pesquisa de Cancro em Londres e da Universidade de Copenhague descobriram uma parte essencial do mecanismo pelo qual as células cancerígenas se ‘infiltram’ nos ossos. Estimam que esta descoberta possa melhorar o prognóstico de cerca de 30% dos pacientes com cancro da mama.

Os especialistas esperam que esta descoberta diminua a taxa de mortalidade associada à doença, que no Reino Unido afeta mais de 50 mil pessoas por ano. Os tumores secundários nos ossos são a causa de morte de quase 85% das 12 mil mortes por cancro da mama, por ano no Reino Unido. (noticiasaominuto.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA