Equipa: Saiba quem está a ajudar o PSD com o programa eleitoral

(D.R)

Grupo de economistas está a trabalhar no sentido de apresentar propostas e sugestões para o programa eleitoral do PSD.

(D.R)
(D.R)

As eleições legislativas terão lugar entre o final de Setembro e o início de Outubro e o PS já apresentou aquele que será o seu programa eleitoral, ou pelo menos, a base do seu programa eleitoral.

O PSD também está a preparar as propostas que irá apresentar aos cidadãos no sentido de os convencer a renovar a confiança na coligação para mais quatro anos.

De acordo com o Jornal de Negócios, a equipa é composta por 20 economistas, embora inicialmente fossem apenas 15. Segundo a mesma fonte trata-se de um grupo informal e conta com nomes bem conhecidos, como é o caso de Pedro Reis, Manuel Rodrigues ou Moreira Rato.

Mas afinal quem são estas pessoas que estão a reunir propostas que vão ter influência direta na vida dos portugueses (caso a maioria vença as eleições)?

Um dos membros do grupo disse ao Negócios que os três coordenadores da equipa tiveram o cuidado de escolher alguém que conhecessem e que não fossem os “mesmos de sempre”, sendo que a “esmagadora maioria” é independente e tem “boas carreiras académicas”.

Comecemos então por Manuel Rodrigues que é o secretário de Estado das Finanças desde 2012. Este dirigente, escreve o Negócios, representou o PSD na negociação do Orçamento do Estado de 2011 juntamente com Eduardo Catroga e Carlos Moedas.

João Moreira Rato também é conhecido dos portugueses. Entre 2012 e 2014 foi presidente da Agência de Gestão da Tesouraria e Dívida Pública (IGCP), cargo que abandonou para integrar a equipa de Vítor Bento no Novo Banco. Dois meses depois saiu do banco bom, tal como a restante equipa.

Pedro Reis é, atualmente, assessor da Comissão Executiva do Millennium BCP, mas era, até ao ano passado, o presidente da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP).

Jorge Bravo é professor universitário em Évora e, no ano passado, participou nas jornadas parlamentares do PSD. Segundo o Negócios é especialista em sistemas de pensões, área na qual está a contribuir neste grupo de trabalho.

Quem também faz parte deste grupo de ‘pensadores’ é o economista-chefe do Millennium BCP,José Brandão de Brito, e dois economistas do Banco de Portugal: João Valle e Azevedo ePedro Portugal.

Cátia Batista, especialista em migrações e remessas de emigrantes e em empreendedorismo e desigualdades de rendimento, e Inês Domingos, colunista e professora de Economia na Universidade Católica também fazem parte desta equipa, bem como Eduardo Cardadeiro, administrador não-executivo do Banco de Fomento, e Stephen Morais, administrador executivo do Caixa Capital (fundo de capital de risco e private equity da Caixa Geral de Depósitos) e ex-diretor da EDP.

Por fim, surge Francisco Veloso, o reitor da escola de gestão da Universidade Católica cuja área forte é a evolução das empresas e regiões e a incorporação de tecnologia no crescimento económico.

Relativamente aos restantes membros da equipa, o Jornal de Negócios explica que não conseguiu apurar as suas identidades. (noticiasaominuto.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA