Cidade de Accra vence primeira edição dos prémios José Eduardo dos Santos

Representantes das cidades vencedoras do Prémio "Presidente José Eduardo dos Santos" (Foto: Henri Celso)
Representantes das cidades vencedoras do Prémio "Presidente José Eduardo dos Santos" (Foto: Henri Celso)
Representantes das cidades vencedoras do Prémio “Presidente José Eduardo dos Santos” (Foto: Henri Celso)

A cidade de Accra (Gana), venceu nesta quinta-feira, em Luanda, à primeira edição dos Prémios “Presidente José Eduardo dos Santos”, na categoria de grandes cidades, que distingue o melhor gestor africano das cidades.

Nas categorias imediatas do concurso, instituído pelo comité executivo da União das Cidades dos Governos Locais de África (UCLG África), numa das suas reuniões realizada em Outubro de 2014, na cidade de Joanesburgo (África do Sul), classificaram-se as cidades de Kinodoni (Tanzânia) e da Praia (Cabo Verde).

Duzentos mil dólares americanos é o montante disponibilizado para a cidade de Accra, vencedora dos Prémios “Presidente José Eduardo dos Santos”, na categoria de grandes cidades, enquanto na categoria de médias cidades, foi vencedora a cidade de Kinadoni (Tanzânia), agraciada com 100 mil dólares.

A cidade da Praia (Cabo Verde), vencedora na categoria de pequenas cidades, recebeu um prémio monetário de 50 mil dólares americanos.

Para o ministro do Urbanismo e Habitação, José Silva, a criação da distinção com a designação “José Eduardo dos Santos” revela, por si só, o reconhecimento da comunidade internacional daquilo que Angola tem estado a gizar na área de urbanismo e habitação.

O prémio terá periodicidade anual e vai ocorrer em vários países.

O governante fez saber que anualmente os presidentes de câmaras africanas, governadores, administradores municipais e equiparados, em destaque em grandes cidades (com mais de um milhão de habitantes), em cidades de média dimensão (com um milhão de habitantes), e em pequenas cidades (até 200 mil habitantes), terão a oportunidade de ganhar o prestigioso prémio.

Segundo disse, os prémios pretendem dar visibilidade ao trabalho dos presidentes de câmara, governadores, e equiparados africanos, distinguindo os que deram um contributo excepcional às suas comunidades e desenvolveram uma visão para a vida nas comunidades de África.

O acto de entrega dos prémios foi presenciado pelo ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Edeltrudes Costa, membros do Executivo, deputados, entre outras individualidades. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA