Benguela: Responsável apela sobas a sensibilizar sobre campanha de registo civil

Caimbambo – O administrador municipal adjunto de Caimbambo, província de Benguela, Carlos Manuel, apelou quarta-feira, os sobas e seculos a sensibilizarem os habitantes para aderirem a campanha de registo civil e atribuição do Bilhete de Identidade (BI), em curso no país.

(FOTO: ROSÁRIO SANTOS)
(FOTO: ROSÁRIO SANTOS)

Carlos Manuel, que falava num encontro com as autoridades tradicionais, reconheceu haver pouca afluência de pessoas aos postos de registo civil e emissão do B.I, instalados em finais do ano transacto, na vila de Caimbambo, no âmbito da expansão dos serviços de identificação civil e criminal.

De acordo com o administrador adjunto, os sobas e seculos constituem um elo entre administração local do estado e a população, de quem recebem todas preocupações.

O responsável defendeu ainda a necessidade do engajamento dos sobas e seculos na sensibilização dos cidadãos do meio rural, antes da massificação da campanha, de modo a compatibilizar o período estabelecido por lei.

Considerou oportuno a aproximação dos serviços de registo civil e criminal,  facilitando  as pessoas a habilitarem-se aos documentos, antes adquiridos em Benguela.

O processo de registo de nascimento e atribuição do BI, de forma grátis, gizado pelo executivo angolano, termina em Dezembro de 2016. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA