Namibe: Polícia incrementa acções de prevenção de combate a crimes

Logitpo da Policia Nacional (Foto: Francisco Miudo)
Logitpo da Policia Nacional (Foto: Francisco Miudo)
Logitpo da Policia Nacional (Foto: Francisco Miudo)

O Comando Provincial da Polícia Nacional do Namibe vai incrementar ainda este mês acções de prevenção e combate aos crimes diversos que mais se evidenciaram em 2014, como furtos, roubos e violação de menores.

Tal pretensão e incrementação foram discutidas nesta sexta-feira no vigésimo Conselho Consultivo Alargado da Polícia Nacional, que decorreu nesta cidade, orientado pelo seu delegado e comandante provincial da corporação, comissário José Domingos Moniz.

O conselho consultivo recomendou aos efectivos da Polícia Nacional no Namibe a intensificar as acções de fiscalização dentro e fora das localidades (destacamento de prevenção rodoviária), nas estradas nacionais números 280, 100, de forma a conter cada vez mais os índices de acidentes.

Louvou os resultados alcançados no balanço de operação Stop realizada na localidade das Mangueiras no principio deste mês.

Os membros do conselho enalteceram ainda os esforços desenvolvidos pelo comando provincial dos Serviços de protecção civil e bombeiros, no que tange ao desdobramento e alargamento dos seus serviços em todos municípios da província, que permitiu melhorar as acções de prevenção de combate das manifestações de várias calamidades naturais e tecnológicas.

Analisaram com preocupação a caracterização da situação da segurança pública, registada na província, referente ao período de um de Janeiro a 10 de Marco, sobre a persistência de violações de menores e recomendou ao departamento de comunicação e imagem passar os conselhos úteis à população sobre o fenómeno junto dos órgãos de comunicação social.

Recomendaram aos serviços de migração estrangeiras, no sentido de continuar a diligenciar e encaminhar ao centro de detenções dos estrangeiros ilegais e aqueles que exerceram actividades profissionais remuneradas com visto de trabalho em entidades diferentes da que solicitou à sua concessão e permanência ilegal.

Para os serviços pressionam recomendado a implementar maior controlo e disciplina na observação das normas de segurança dos efectivos, de forma a garantir um processo de educação e reinserção social dos reclusos.

No domínio dos serviços de protecção civil e bombeiros, o conselho orientou a adoptar medidas preventivas que possam minimizar os efeitos negativos das chuvas e outras calamidades em toda extensão da província.

Os membros do conselho consultivo alargado apreciaram e aprovaram as acções de enfrentamento dos órgãos executivos da delegação provincial para o segundo trimestre de 2015.

Solidarizam-se com as vítimas da chuva no município do Lobito, província de Benguela, que provocou a morte de 67 cidadãos (dados provisórios). (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA