Mais tanques e equipamentos russos cruzam fronteira com Ucrânia, dizem EUA

(REUTERS)
(REUTERS)
(REUTERS)

Tanques russos e equipamentos militares pesados cruzaram a fronteira com a Ucrânia nos últimos dias numa violação ao acordo de cessar-fogo mediado pela Europa e assinado em 12 de Fevereiro, disse uma representante do Departamento de Estado norte-americano nesta terça-feira.

As declarações da secretária assistente de Estado para Europa, Victoria Nuland, surgem após acusações feitas pela Ucrânia e países ocidentais de que a Rússia continua a enviar tropas e armas para apoiar os separatistas no leste ucraniano, apesar do acordo de cessar-fogo alcançado em Minsk, denúncia que o Kremlin nega.

O leste ucraniano e a Crimeia, península no Mar Negro anexada pela Rússia há uma ano, sofrem com um “reinado de terror”, disse Nuland em audiência parlamentar sobre a Ucrânia, acrescentando que a Casa Branca ainda leva em consideração o envio de armamentos aos militares ucranianos.

Nos últimos dias, novas transferências de tanques, veículos blindados, artilharia pesada e equipamentos para lançamento de foguetes têm sido observadas da Rússia para os separatistas do outro lado da fronteira, disse Nuland à Comissão de Relações Exteriores do Senado.

Ela afirmou que “centenas e centenas” de soldados russos morreram no conflito no leste da Ucrânia.

“Nos próximos dias, dias e não semanas, precisamos observar um completo cessar-fogo”, disse Nuland. “A pressão vai ter que aumentar caso (o cessar-fogo de) Minsk não seja implementado.”

Ela atestou a existência de um “animado” debate dentro do governo dos EUA sobre o envio ou não de armamentos para a Ucrânia. (reuters.com)

por Lesley Wroughton

 

DEIXE UMA RESPOSTA