Legislativas: Costa vai deixar Câmara de Lisboa antes das eleições

(DR)
(DR)
(DR)

Segundo a lei, António Costa só teria de deixar a praça do Município quando fosse nomeado primeiro-ministro.

O jornal i garante que António Costa deve abandonar a presidência da câmara de Lisboa para se dedicar ao cargo de secretário-geral do PS a 100% antes da campanha eleitoral para as legislativas.

A data concreta, escreve o mesmo jornal esta segunda-feira, ainda não está fechada, mas o mês de Julho é apontado como uma hipótese, altura em que o Presidente da República deve marcar oficialmente a data das eleições.

Isto porque a lei prevê que as eleições têm de ser marcadas com 60 dias de antecedência, pelo que, se Cavaco Silva decidir apontar o dia 27 de Setembro para as legislativas, terá de anunciar esta data antes de ir de férias, no fim de Julho.

António Costa sempre disse que deixaria a câmara de Lisboa “no momento oportuno”.

Em 2011, para justificar a decisão de não se candidatar a secretário-geral como sucessor de José Sócrates, foi o próprio Costa a afirmar frontalmente a incompatibilidade dos dois cargos. (noticiasaominuto.com)

DEIXE UMA RESPOSTA