Huíla: “8 de Março” representa perdão e igualdade do género

Huíla: Membros da OMA no acto em alusão ao dia da mulher (Foto: Morais Silva)
Huíla: Membros da OMA no acto em alusão ao dia da mulher (Foto: Morais Silva)
Huíla: Membros da OMA no acto em alusão ao dia da mulher (Foto: Morais Silva)

O dia 8 de Março, consagrado internacionalmente à mulher, representa paz, saúde, progresso, conquista, liberdade, reconciliação integridade, perdão e igualdade do género, considerou domingo, na Matala, Huíla, a chefe dos assuntos sociais do município, Lúcia Ngueve.

Ao falar em representação do administrador municipal, Miguel Vicente, no acto municipal em alusão à data, a responsável salientou tratar-se de uma efeméride que mudou a vida das mulheres.

Lúcia Ngueve pediu a todos a prestar homenagem à memória das pessoas que directa ou indirectamente contribuiram para emancipação das mulheres.

Disse que a data deve servir de reflexão sobre os direitos e deveres fundamentais da mulher na sociedade. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA